Tuesday, January 09, 2007

“Querer-te”

“Querer-te é verbo sem sentido. Nostalgia de um futuro que desconheço.
É pressa de te ter e de saber a que cheiram os teus sonhos.”

1 comment:

Sherazade said...

Dito assim até quase que soa a angústia